Billete 996

O blog da AirEuropa

11 Outubro 2019

Prepare a sua bagagem para voar com a Air Europa

luggage, baggage, equipaje, mascotas, equipaje especial, franquicia equipaje

Sem dúvida que  a bagagem é uma das partes mais importantes na hora de planear a nossa viagem. Aponte os nossos conselhos para a sua bagagem de mão, registada, especial ou simplesmente para fazer a sua mala e conseguir a bagagem do viajante perfeito. Bom voo!

Planeje sua viagem e organize sua bagagem

Queremos que saiba sempre quanto pode levar de bagagem ao comprar o seu bilhete Air Europa, por isso é importante que em primeiro lugar consulte as condições de franquia de bagagem que inclui a sua reserva, já que dependendo da sua tarifa, itinerário e época do ano, a franquia de bagagem pode ser diferente.

Se viaja em Classe Turística com a Air Europa, pode sempre levar uma bagagem registada de 23kg, no entanto há alguns destinos que permitem mais bagagem. Além disso, pode sempre levar bagagem de mão até 10Kg.

Consulte a informação atualizada na secção de bagagem da Air Europa.

Se viaja em  Classe Executiva, a franquia de bagagem depende do seu destino:

  • Voo nacionais e europeus: Duas malas de 23kg cada uma. Além disso, uma bagagem de mão até 14kg.
  • Voos intercontinentais: Três de 23kg cada uma. Além disso, duas bagagens de mão até 18kg cada uma.

Se por algum motivo leva mais bagagem da que está incluída no seu bilhete, pode reservar bagagem extra através da nossa página web com um máximo de duas malas para algumas rotas, uma vez que depende do avião que opera a rota.

Note que mesmo que compre bagagem extra, a sua mala nunca poderá superar os 32Kg.

  1. Como transportar bagagem especial

Se quer viajar com bagagem, que não seja a tradicional, que tenha um volume ou peso superior ao habitual, ou tenha características especiais, como equipamentos desportivos é necessário que confirme connosco as condições do seu transporte. Também pode ser que os objetos que contenha necessitem de cuidado especial ou que por segurança o seu transporte esteja proibido. Por exemplo, viajar com substâncias explosivas está proibido, para poder transportar baterias de lítio devem cumprir-se algumas restrições. Sempre a pensar na segurança!

Na nossa página web tem toda a informação útil a este respeito, no entanto, recomendamos sempre que nos contacte por telefone ou através das redes sociais para obter resposta às suas dúvidas.

Na cabine

Toda a bagagem transportada na cabine, deve respeitar as medidas máximas requeridas de 55x35x25 ou a soma total de 115cm.

Consulte a informação atualizada na secção bagagem da Air Europa.

Ainda que possa sempre enviar para o porão, se necessitar pode levar bagagem de maiores dimensões consigo na cabine. Deve apenas reservar um lugar extra para esse objeto com a finalidade de assegurar a boa conservação e a segurança de todos os passageiros do avião. Pode comprá-lo diretamente com a Air Europa em qualquer momento antes da saída do voo e o preço seria o mesmo de um lugar a mais no voo, sem as taxas.

Na hora de fazer as malas devemos recordar que há sempre uma possibilidade, muito baixa, da bagagem ser entregue com algum atraso depois da chegada do voo, pelo que é importante que todos os objetos de maior importância, medicamentos, documentação, autorizações, etc, viajem sempre na bagagem de mão. Também deve levar consigo na bagagem de mão os objetos mais frágeis e de maior valor, para evitar que durante a viagem sofram danos em todo o percurso das malas.

Lembre-se que existem certos objetos que não são permitidos na cabine, no seguinte link encontrará toda a informação.

No porão

Se o comprimento, altura e largura da bagagem que vai despachar supera os 158cm ou se trata de um volume diferente de uma mala clássica, muito possivelmente trata-se de uma bagagem especial ou volumosa. Neste caso, não está incluído na franquia de bagagem e está sujeito ao pagamento de um valor que pode variar, geralmente, entre os 75 e os 100 euros.

Alguns equipamentos desportivos são considerados como bagagem registada a não ser que superem os limites de peso e tamanho, nesse caso deve fazer-se o pagamento extra. Os equipamentos não incluídos na tarifa estão sujeitos ao pagamento de 75€ e no caso dos equipamentos de surf, asa delta e parapente o custo do seu transporte será de 150€ por trajeto.

Os instrumentos musicais que pelas suas dimensões não possam viajar como bagagem de mão ou não viajem num lugar extra, devem ser enviados para o porão do avião e têm um custo de 150€.

2.    Transporte de comida e líquidos

Se transporta algum tipo de comida, é importante informar-se primeiro das medidas de controlo implementadas pelas autoridades alfandegárias do país de trânsito ou destino. Por exemplo, a União Europeia detalha as restrições no Regulamento CE 206/2009, com o objetivo de evitar a entrada de doenças animais. Algumas delas são:

  • É proibida a introdução de produtos de origem animal, carne, lácteos… salvo as excepções refletidas no regulamento.
  • O regulamento não é aplicável em partidas pessoais enviadas desde Andorra Liechtenstein, Noruega, S. Marino e Suíça nem nas enviadas de produtos de pesca desde as Ilhas Faroé e Islândia.
  • Transporte de líquidos: para evitar ameaça de explosivos líquidos é obrigatório que viajem em recipientes individuais de 100 ml, dentro de uma bolsa hermética. Cada passageiro tem direito a levar a sua própria bolsa.
  • No caso de alimentos especiais como por exemplo para celíacos ou para bebés, também podem ser transportados na bagagem de mão.

    3.    Transporte de animais de estimação

    Ainda que os nossos melhores amigos não possam considerar-se nunca uma bagagem, deixamos aqui um espacinho para poder falar deles. Na hora de viajar com os nossos animais de estimação devemos organizar a sua viagem com antecedência já que segundo as características do animal deverão ser cumpridas algumas normas.

    A Air Europa aceita muitas espécies na cabine, sempre que o peso do nosso animal e da caixa não supere os 8Kg e a sua bolsa de transporte cumpra as medidas máximas permitidas para a bagagem de mão.

    O mais importante é que o animal esteja sempre vacinado contra a Raiva, caso contrário, não poderá viajar em nenhum caso. Em seguida é necessário comprovar que o animal conta com toda a documentação necessária para que se possa demonstrar a sua identidade e o seu historial de vacinação e cumprir com os requisitos de entrada no país de destino. Se não o fizer terá sérias consequências.

    No caso de que o animal tenha que viajar dentro da União Europeia deve dispôr do correspondente passaporte europeu e ter sempre o microchip.

    O transporte em avião de algumas raças de animais considerados braquiocefálicos (de focinho achatado) pressupõe para estes animais um risco elevado de sofrer de problemas respiratórios e sobreaquecimento devido ao stress do voo, pelo que só se aceitam os que pesem menos de 8kg e possam viajar na cabine dentro da sua respetiva caixa de transporte.

    Para voltar a Portugal com um animal proveniente de países fora da união europeia é muito importante consultar o Regulamento Europeu 577/2013.

  • 4.    Incidências com a sua bagagem

Existe sempre uma pequena possibilidade de haver uma incidência com a sua bagagem. Estatísticamente, há 99,5% de probabilidades de que a sua bagagem despachada chegue consigo sem problemas. Evite também dores de cabeça assegurando-se que recolhe todos os seus pertences na cabine antes de abandonar o avião. Mas se está nesses 0,5%, há alguns conselhos que podem ajudá-lo a receber a sua bagagem o quanto antes:

  • Identifique sempre a sua bagagem, tanto por fora como por dentro, com o seu nome e vários métodos de contacto. Tire também todas as etiquetas das viagens anteriores. Ainda que coloquemos um autocolante em cada mala que aceitamos, em certas ocasiões na manipulação ou no transporte estas podem perder-se, pelo que uma dupla identificação ajuda sempre.
  • Acondicione muito bem a sua bagagem. Se viaja com uma mochila guarde bem todos os elementos que normalmente leva de fora! Se vai usar uma bolsa de material pouco resistente ou quer proteção extra, os serviços de plastificação que estão disponíveis em todos os aeroportos podem ser uma boa ideia.
  • Assegure todas as partes salientes da bagagem, são as que mais sofrem durante o transporte e têm mais probabilidade de se deteriorar com o uso normal de cada viagem.
  • Confira sempre a sua bagagem ao recuperá-la no seu destino. Comprove que está tudo correto e contacte o escritório da Air Europa ou o seu representante sempre antes de sair do aeroporto.
  • Ao preencher a documentação da incidência, disponibilize todos os dados de contacto possíveis, tanto moradas como correios electrónicos e telefones para que nos seja mais fácil avisá-lo ao receber a bagagem e combinar uma entrega.

    5.    Dicas de viagem

    Nem tudo são normas e restrições, também temos algumas recomendações para si para fazer da sua viagem com bagagem a melhor experiência possível.

    • Para evitar que os seus sapatos transmitam algum cheiro aos restantes objetos que leva na sua bagagem, introduza uma saqueta de chá em cada um dos sapatos.
    • Na hora de viajar, se há algo que não pode faltar é uma garrafa de água, mas na hora de a transportar na sua bolsa, uma vez que já está aberta, existe a possibilidade de que derrame alguma quantidade de líquido. Para evitá-lo, ponha uma capa de película aderente na boca da garrafa aberta e enrosque a tampa, de maneira a conter melhor o líquido na garrafa.
    • Outro grande inconveniente na hora de viajar é o de transportar a roupa e conseguir que chegue o menos enrugada possível. Algo que pode ajudar é colocar um cinto enrolado dentro do colarinho da camisa, e desta maneira conseguir que se enrugue muito menos.
    • Meter os seus sapatos dentro de uma touca de duche é uma maneira simples de evitar que o seu calçado suje os restantes objetos da bagagem.

    Se ficou com alguma dúvida pode contactar-nos através das redes sociais no Facebook ou Twitter. Estaremos encantados de o esclarecer!

También disponible en / Also available in: Español (Espanhol) English (Inglês)